Histórico
 25/10/2009 a 31/10/2009
 26/10/2008 a 01/11/2008
 10/08/2008 a 16/08/2008
 13/07/2008 a 19/07/2008
 15/06/2008 a 21/06/2008
 01/06/2008 a 07/06/2008
 18/05/2008 a 24/05/2008
 11/05/2008 a 17/05/2008
 04/05/2008 a 10/05/2008
 20/04/2008 a 26/04/2008


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 BOL - E-mail grátis
 MEC
 Enciclopédia On Line
 DICIONÁRIOS ON LINE
 Biblioteca do Hilton Rocha
 Biblioteca do Eloy Heraldo Lima
 Bibliote Virtual
 BIBLIOTECA DA E. M. LUCAS MONTEIRO MACHADO CIAC


 
BIBLIOTECA ESCOLAR FERNANDO SABINO


NOVIDADE 2010

NOVIDADES PARA O INÍCIO DE 2010:


PROJETO ESCULTÓRIAS 2010


INICIAMOS O PROJETO ESCULTÓRIAS 2010, TENDO COMO TEMA PARA ESTE ANO "AS ARTES DO LIXO" DENTRO DO PROJETO ESCOLA VERDE.

 

PARTICIPARÃO OS ALUNOS  DO 2º CICLO, COMEÇANDO COM UMA VISITA, NO DIA 28DE MAIO,  AO ATELIER DO ESCULTOR LEANDRO GABRIEL E A SUA EXPOSIÇÃO NA MANNESMAN. NOS DIAS 31/05, 01/06 E 02/06 ACONTECERÃO AS OFICINAS COM PROFESSORA E CONTADORA DE HISTÓRIAS SANDRA LANE.

DENTRO DO PROJETO ESCOLA VERDE ENCONTRA-SE A DISPOSIÇÃO DOS PROFESSORES UMA PRATELEIRA DA BIBLIOTECA TODA VOLTADA A TEMATICA AMBIENTAL, TAMBÉM  CARTILHAS ETC. AINDA DENTRO DO PROJETO UMA EXPOSIÇÃO PERMANENTE DE LIVROS E REVISTAS SOBRE BRINQUEDOS COM  SUCATA DO SUBPROJETO "BRINCAR É COISA SÉRIA".

 

ARTES DO LIXO:


 

 


 

 

NO DIA 22/OUT/2009 FOI O LANÇAMENTO DO LIVRO "ESCULTÓRIAS TOUCHÉ", NA

CÂMARA MUNICIPAL DE BELO HORIZONTE.


PARABÉNS AOS NOSSOS ALUNOS QUE PARTICIPARAM DO PROJETO.


QUE VOCÊS CONTINUEM A ESTUDAR E SE ESFORÇAR SEMPRE.


FELICIDADES!!!


ALUNOS PARTICIPANTES DO PROJETO ESCULTÓRIAS 2009:


GRAZIELE ESTEFANIA Z FREITAS    3 1A
MATHEUS NUNES RIBEIRO DA SILVA    31A
REBECA DAMARINS SOUZA 31A
ANDREZA KELLY ARMOND MORATO 31B
JESSICA LORRAINE GONCALVES LINO 31B
LUANA BARBOSA 31B
REGINA ROBERTA NEVES FERREIRA  31B
THAFNY MARTINS FABIANO  31B
VALQUIRIA KELY MESSIAS SOUZA 31B
BARBARA AGDA RODRIGUES MARTINS 31C
KAROLINE SILVA DE OLIVEIRA 31C
SILVIO CREADO DE SOUZA JUNIOR 31C
GUILHERME MATEUS P.  DO NASCIMENTO 32A
ISABELA MAIA DE MENEZES 32A
WILLIAN VICENTE MACHADO 32A
ALAOR SOUZA OLIVEIRA 32B
ANDRE LANNA DUTRA  32B
ISABELA PATRICIA BARCELOS PEREIRA 32C
ARIANE CASSIA PEREIRA DE SOUZA 33A
FRANCIELE LORRAINE ZEFERINO 33B
IRIS PONGELUPE DE ALMEIDA 33B
LORRAYNE LIMA DUARTE 33B
THAIS REGINA DE SOUZA SANTOS 33B


VEJA   FOTO DO EVENTO NA CÂMARA:

FOTO COM AS AUTORIDADES

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

VEJAM A FOTO DO MASCOTE, DESENHADO POR MATHEUS DE LELES (21A):

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 



Escrito por BIB ESC FERNANDO SABINO às 08:27:51
[] [envie esta mensagem]



REINAUGURAÇÃO DA BIBLIOTECA E PROJETO ESCULTÓRIAS TOUCHÉ

PROJETO ESCULTÓRIAS TOUCHÉ:

A BIBLIOTECA ESCOLAR FERNANDO  SABINO PARTICIPOU DA PUBLICAÇÃO DO 

3º  LIVRO DA COLEÇÃO DO PROJETO ESCULTÓRIAS, A SER REALIZADO NA

CÂMARA MUNICIPAL  DE BELO HORIZONTE, NOS DIAS 22/OUT/2009, ÀS 09H.


VEJA ALGUMAS FOTOS DA PREPARAÇÃO DO LIVRO:

 

 

CONCURSO MASCOTE BIBLIOTECA ESCOLAR  FERNANDO SABINO:

 

O VENCEDOR DO CONCURSO MASCOTE FOI MATHEUS DE LELIS SILVARES, COM O GRILHO SABIDINHO E EM SEGUNDO LUGAR FICOU ALAOR SOUZA, COM A CORUJA.

 

CONFIRA ALGUMAS FOTOS:



 

REINAUGURAÇÃO DA BIBLIOTECA ESCOLAR FERNANDO SABINO

REINAUGURAÇÃO DA BIBLIOTECA ESCOLAR FERNANDO SABINO OCORREU NO SÁBADO RETRASADO, COM A PRESENTAÇÃO DA BIBIBLIOTECÁRIA HAIESKA!

CONFIRA AS FOTOS:


 

 

AQUI NA BIBLOTECA FERNANDO SABINO DA ESCOLA MUNICIPAL SEBASTIAO GUILHERME DE OLIVEIRA OCORRERAM OS SEGUINTES EVENTOS:

OLIMPIADAS

COM A PARTICIPACAO DE TODOS OS ALUNOS DA EMSGO, A PROFESSORA ANA DEA CRIOU MURAIS MARAVILHOSOS COM A TEMATICA DA OLIMPIADA...



O SEGUNDO EVENTO IMPORTANTE QUE OCORREU NA ESCOLA FOI A ENTREGA DO PREMIO REFERENTE A OLIMPIADA DA LINGUA PORTUGUESA. FOI PREMIADA A ALUNA LILIANE DA OITAVA SERIE. VEJA ALGUMAS FOTOS...




HOUVE, AINDA, A CRIACAO DO MURAL ASA DE PAPEL, EM HOMENAGEM AO ESCRITO MARCELO XAVIER...




FICOU LINDA AS IMAGENS DAS MAQUETES DOS ALUNOS DAS PROFESSORAS MARIA DO CARMO E DA MARISA...



SEM MAIS PARA O MOMENTO...

ATE MAIS...



Escrito por BIB ESC FERNANDO SABINO às 07:51:40
[] [envie esta mensagem]



PREPAREM-SE!!!

PREPAREM-SE!!!

VEM ÁI A

TEMPORADO DO TERROR 2008!!!



Escrito por BIB ESC FERNANDO SABINO às 12:14:43
[] [envie esta mensagem]



MUSEU VIVO "MEMÓRIAS"

MUSEU VIVO "MEMÓRIAS"

FOI LANÇADO EM CONJUNTO COM AS ATIVIDADES DAS OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA 2008, O MUSEU VIVO "MEMÓRIAS", COMO FORMA DE ENRIQUECIMENTO E RESGATE DAS LEMBRANÇAS DAS GERAÇÕES PASSADAS.

VEJA ALGUMAS FOTOS DO MUSEU VIVO DA BIBLIOTECA ESCOLAR FERNANDO SABINO:






ATÉ MAIS!!!





Escrito por BIB ESC FERNANDO SABINO às 10:58:47
[] [envie esta mensagem]



OLIMPÍADA DE LÍNGUA PORTUGUESA 2008 (ESCREVENDO O FUTURO)


A BIBLIOTECA ESCOLAR FERNANDO SABINO ADERIU E PARTICIPARÁ DA OLÍMPIADA DA LÍNGUA PORTUGESA!

SAIBA MAIS:


Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro

A oportunidade de os alunos das escolas públicas de todo o país descobrirem o poder que as palavras têm está chegando com a Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro.

Realizado pelo Ministério da Educação, em parceira com a Fundação Itaú Social e o Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (CENPEC), o concurso tem como objetivo contribuir para a melhoria da qualidade de ensino e para o aperfeiçoamento da escrita dos alunos das 4ª e 5ª séries do Ensino Fundamental (5º e 6º anos do Ensino Básico de 9 anos), das 7ª e 8ª séries do Ensino Fundamental (8º e 9º anos do Ensino Básico de 9 anos) e 2º e 3º anos do Ensino Médio.

A Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro vem estimular o desenvolvimento de competências de escrita a partir de uma premiação, fornecendo subsídios e material de apoio pedagógico (kit de criação de textos) para que os professores realizem oficinas de leitura e escrita com seus alunos. A idéia é que todos os alunos envolvidos se beneficiem, sendo ou não selecionados para concorrer.

Dessa forma, o projeto contribui para que escolas e professores revejam os métodos convencionais de ensino de escrita e passem a empregar métodos que mobilizem seus alunos para a produção e aperfeiçoamento de textos. Além disso, identifica, valoriza e divulga textos que mostrem a competência dos alunos da escola pública no uso da Língua Portuguesa.


Escrito por BIB ESC FERNANDO SABINO às 11:48:09
[] [envie esta mensagem]



FOTOS DA BIBLIOTECA

VEJAM ALGUMAS FOTOS DA BIBLIOTECA ESCOLAR FERNANDO SABINO:





Escrito por BIB ESC FERNANDO SABINO às 11:27:56
[] [envie esta mensagem]



NOVIDADES!!! MACHADÃO ESTÁ NO AR!!!

ESTAMOS COMEMORANDO O CENTENÁRIO DE MORTE DE MACHADO DE ASSIS!!!

VEJA ABAIXO ALGUMAS CURIOSIDADES:

MACHADO DE ASSIS:

Joaquim Maria Machado de Assis (Rio de Janeiro, 21 de junho de 1839 — Rio de Janeiro, 29 de setembro de 1908) foi um escritor brasileiro, considerado um dos mais importantes nomes da literatura desse país e identificado, pelo crítico Harold Bloom, como o maior escritor negro de todos os tempos.
De sua vasta obra, que inclui ainda poesias, peças de teatro e crítica literária, destacam-se o romance e o conto. É considerado um dos criadores da crônica no país, além de ser importante tradutor, vertendo para o português obras como Os Trabalhadores do Mar, de Victor Hugo e o poema O Corvo, de Edgar Allan Poe. Foi também um dos fundadores da Academia Brasileira de Letras e seu primeiro presidente, também chamada de Casa de Machado de Assis.
Era filho do mulato Francisco José de Assis, pintor de paredes e descendente de escravos alforriados, e de Maria Leopoldina Machado, uma portuguesa da Ilha de São Miguel. Machado de Assis, que era canhoto [1], passou a infância na chácara de D. Maria José Barroso Pereira, viúva do senador Bento Barroso Pereira, na Ladeira Nova do Livramento, (como identificou Michel Massa), onde sua família morava como agregada, no Rio de Janeiro. De saúde frágil, epilético, gago, sabe-se pouco de sua infância e início da juventude. Ficou órfão de mãe muito cedo e também perdeu a irmã mais nova. Não freqüentou escola regular, mas, em 1851, com a morte do pai, sua madrasta Maria Inês, à época morando no bairro em São Cristóvão, emprega-se como doceira num colégio do bairro, e Machadinho, como era chamado, torna-se vendedor de doces. No colégio tem contato com professores e alunos e é provável que tenha assistido às aulas quando não estava trabalhando.
Mesmo sem ter acesso a cursos regulares, empenhou-se em aprender e se tornou um dos maiores intelectuais do país, ainda muito jovem. Em São Cristóvão, conheceu a senhora francesa Madamme Gallot, proprietária de uma padaria, cujo forneiro lhe deu as primeiras lições de francês, que Machado acabou por falar fluentemente, tendo traduzido o romance Os Trabalhadores do Mar, de Victor Hugo, na juventude.Também aprendeu inglês, chegando a traduzir poemas deste idioma, como O Corvo, de Edgar Allan Poe. Posteriormente, estudou alemão, sempre como autodidata
É considerado por muitos o maior escritor brasileiro de todos os tempos e um dos maiores escritores do mundo, enquanto romancista e contista. Suas crônicas não têm o mesmo brilho e seus poemas têm uma diferença curiosa com o restante de sua produção: ao passo que na prosa Machado é contido e elegante, seus poemas são algumas vezes chocantes na crueza dos termos -- similar talvez à de Augusto dos Anjos.
O crítico norte-americano Harold Bloom considera Machado de Assis um dos 100 maiores gênios da literatura de todos os tempos (chegando ao ponto de considerá-lo o melhor escritor negro da literatura ocidental), ao lado de clássicos como Dante, Shakespeare e Cervantes. A obra de Machado de Assis vem sendo estudada por críticos de vários países do mundo, entre eles, Giusepe Alpi (Itália), Lourdes Andreassi (Portugal), Albert Bagby Jr. (Estados Unidos da América), Abel Barros Baptista (Portugal), Hennio Morgan Birchal (Brasil), Edoardo Bizzarri (Itália), Jean-Michel Massa (França), Helen Caldwell (Estados Unidos da América), John Gledson (Inglaterra), Adrien Delpech (França), Albert Dessau (Alemanha), Paul Dixon (Estados Unidos da América), Keith Ellis (Estados Unidos da América), Edith Fowke (Canadá), Anatole France (França), Richard Graham (Estados Unidos da América), Pierre Hourcade (França), David Jackson (Estados Unidos da América), Linda Murphy Kelley (Estados Unidos da América), John C. Kinnear, Alfred Mac Adam (Estados Unidos da América), Victor Orban (França), Houwens Post (Itália), Samuel Putnam (Estados Unidos da América), John Hyde Schmitt, Tony Tanner (Inglaterra), Jack E. Tomlins (Estados Unidos da América), Carmelo Virgillo (Estados Unidos da América), Dieter Woll (Alemanha) e Susan Sontag (Estados Unidos da América).
O estilo literário de Machado de Assis tem inspirado muitos escritores brasileiros ao longo do tempo e sua obra tem sido adaptada para a televisão, o teatro e o cinema. Em 1975, a Comissão Machado de Assis, instituída pelo Ministério da Educação e Cultura, organizou e publicou as edições críticas de obras de Machado de Assis, em 15 volumes. Suas principais obras foram traduzidas para diversos idiomas e grandes escritores contemporâneos como Salman Rushdie, Cabrera Infante e Carlos Fuentes confessam serem fãs de sua ficção, como também o confessou Woody Allen. A Academia Brasileira de Letras criou o Espaço Machado de Assis, com informações sobre a vida e a obra do escritor.
Machado em suas obras interpela o leitor, ultrapassando a chamada quarta parede, nisso tendo sido influenciado por Manuel Antonio de Almeida, que já havia utilizado a técnica, bem como Miguel de Cervantes, e outros autores, mas nenhum deles com tanta ênfase quanto Machado.
Toda a obra de Machado de Assis é de domínio público, por ter expirado o correspondente direito de autor em 1978, pois se completou os 70 anos da data de falecimento do autor.
A mão e a luva, 1874
Helena, 1876
Iaiá Garcia, 1878
Memórias Póstumas de Brás Cubas, 1881
Casa Velha, 1885
Quincas Borba, 1891
Dom Casmurro, 1899
Esaú e Jacó, 1904
Memorial de Aires, 1908
Poesia
Crisálidas[2], 1864
Falenas, 1870
Americanas, 1875
Ocidentais, 1880
Poesias completas, 1901
Livros de contos
Contos Fluminenses, 1870
Histórias da Meia-Noite, 1873
Papéis Avulsos, 1882
Histórias sem Data, 1884
Várias Histórias, 1896
Páginas Recolhidas, 1899
Relíquias da Casa Velha, 1906
Alguns contos
A Carteira (conto do livro Contos Fluminenses)
Miss Dollar (conto do livro Contos Fluminenses)
O Alienista (conto do livro Papéis Avulsos)
A Sereníssima República (conto do livro Papéis Avulsos)
O Segredo do Bonzo (conto do livro Papéis Avulsos)
Teoria do Medalhão (conto do livro Papéis Avulsos)
Uma Visita de Alcibíades (conto do livro Papéis Avulsos)
O Espelho (conto) (conto do livro Papéis Avulsos)
Noite de Almirante (conto do livro Histórias sem Data)
O Homem Célebre (conto do livro Várias Histórias)
Conto da Escola (conto do livro Várias Histórias)
Uns Braços (conto do livro Várias Histórias)
A Cartomante (conto do livro Várias Histórias)
O Enfermeiro (conto do livro Várias Histórias)
Trio em Lá Menor ((conto do livro Várias Histórias)
O Caso da Vara (conto do livro Páginas Recolhidas)
Missa do Galo (conto do livro Páginas Recolhidas)
Almas Agradecidas
Teatro
Hoje avental, amanhã luva, 1860
Queda que as mulheres têm para os tolos, 1861
Desencantos, 1861
O caminho da porta, 1863
O protocolo, 1863
Quase ministro, 1864
Os deuses de casaca, 1866
Tu, só tu, puro amor, 1880
Não consultes médico, 1896
Lição de botânica, 1906


Escrito por BIB ESC FERNANDO SABINO às 11:45:01
[] [envie esta mensagem]



PROJETO FERNANDO SABINO

PROJETO FERNAND SABINO

DE UMA VISITA REALIZADA À BIENAL, FOI REALIZADO UM ENCONTRO COM O FILHO DE FERNANDO SABINO.
FOI PROMETIDA UMA VISITA Á ESCOLA MUNICIPAL SEBASTIÃO GUILHERME DE OLIVEIRA, ALÉM DE DOAÇÕES DE LIVROS E UMA FOTOGRAFIA DO TÃO RENOMADO AUTOR.

FERNANDO SABINO:

Fernando Tavares Sabino (Belo Horizonte, 12 de outubro de 1923 — Rio de Janeiro, 11 de outubro de 2004) foi um escritor e jornalista brasileiro.

Durante a adolescência, foi locutor de programa de rádio e começou a colaborar regularmente com artigos, crônicas e contos em revistas da cidade, conquistando prêmios em concursos.

No início da década de 1940, começou a cursar a Faculdade de Direito e ingressou no jornalismo como redator da Folha de Minas. Seu primeiro livro de contos, Os grilos não cantam mais, foi publicado em 1941, no Rio de Janeiro.

Tornou-se colaborador regular do jornal Correio da Manhã, onde conheceu Vinicius de Moraes, de quem se tornou amigo.

Mudou-se para o Rio de Janeiro em 1944. Depois de se formar em Direito na Faculdade Federal do Rio de Janeiro em 1946, viajou com Vinicius de Moraes aos Estados Unidos da América, onde morou por dois anos em Nova Iorque.

O encontro marcado, uma de suas obras mais conhecidas, foi lançada em 1956, ganhando edições até no exterior, além de ser adaptada para o teatro. Sabino decidiu, então (1957), viver exclusivamente como escritor e jornalista. Iniciou uma produção diária de crônicas para o Jornal do Brasil, escrevendo mensalmente também para a revista Senhor.

Em 1960, Fernando Sabino publicou o livro O homem nu, pela Editora do Autor, fundada por ele, Rubem Braga e Walter Acosta. Publicou, em 1962, A mulher do vizinho, que recebeu o Prêmio Cinaglia do Pen Club do Brasil.

Em 1966, fez a cobertura da Copa do Mundo de Futebol para o Jornal do Brasil. Fundou, em 1967, em conjunto com Rubem Braga, a Editora Sabiá, onde publicou livros de Vinicius de Moraes, Paulo Mendes Campos, Otto Lara Resende, Carlos Drummond de Andrade, Manuel Bandeira, Cecília Meireles e Clarice Lispector, entre outros.

Publicou o romance O grande mentecapto em 1979, iniciado mais de trinta anos antes. A obra, que lhe rendeu o Prêmio Jabuti, e acabaria sendo adaptada para o cinema, com direção de Oswaldo Caldeira, em 1989, e também para o teatro. Em julho de 1999, recebeu da Academia Brasileira de Letras o prêmio Machado de Assis pelo conjunto de sua obra.

Faleceu em sua casa em Ipanema (zona sul no Rio de Janeiro), vítima de câncer no fígado, às vésperas de seu 81º aniversário.



Bibliografia

* Os grilos não cantam mais (1941, Pongetti)]
* A marca (1944, José Olympio)
* A cidade vazia (1950, O Cruzeiro)
* A vida real (1952, Editora A Noite)
* O encontro marcado (1956, Civilização Brasileira)
* O homem nu (1960, Editora do Autor)
* A mulher do vizinho (1962, Editora do Autor)
* A companheira de viagem (1965, Editora do Autor)
* A inglesa deslumbrada (1967, Sabiá)
* Gente (1975, Record)
* Deixa o Alfredo falar! (1976, Record)
* O Encontro das Águas (1977, Record)
* O grande mentecapto (1979, Record)
* A falta que ela me faz (1980, Record)
* O menino no espelho (1982, Record)
* O Gato Sou Eu (1983, Record)
* Macacos me mordam (1984, Record)
* A vitória da infância (1984, Editora Nacional)
* A faca de dois Gumes (1985, Record)
* O Pintor que pintou o sete (1987, Berlendis & Vertecchia)
* Martini seco (1987, Ática)
* O tabuleiro das damas (1988, Record)
* De cabeça para baixo (1989, Record)
* A volta por cima (1990, Record)
* Zélia, uma paixão (1991, Record)
* O bom ladrão (1992, Ática)
* Aqui estamos todos nus (1993, Record)
* Os restos mortais (1993, Ática)
* A nudez da verdade (1994, Ática)
* Com a graça de Deus (1995, Record)
* O outro gume da faca (1996, Ática)
* Um corpo de mulher (1997, Ática)
* O homem feito (1998, Ática)
* Amor de Capitu (1998, Ática)
* No fim dá certo (1998, Record)
* A chave do enigma (1999, Record)
* O galo músico (1999, Record)
* Cara ou coroa? (2000, Ática)
* Duas novelas de amor (2000, Ática)
* Livro aberto - Páginas soltas ao longo do tempo (2001, Record)
* Cartas perto do coração - correspondência com Clarice Lispector (2001, Record)
* Cartas na mesa - correspondência com Paulo Mendes Campos, Otto Lara Resende e Hélio Pellegrino (2002. Record)
* Os caçadores de mentira (2003, Rocco)
* Os movimentos simulados (2004, Record)


Escrito por BIB ESC FERNANDO SABINO às 10:30:06
[] [envie esta mensagem]



PROJETO ALFALER E TEMPORADA DO AMOR

PROJETO ALFABER E TEMPORADA DO AMOR 2008

TEVE INÍCIO NA BIBLIOTECA ESCOLAR FERNANDO SABINO (EMSGO) A TEMPORADA DO AMOR, COM SUPORTE AO PROGRAMA ALFALER (COM FOCO NOS ALUNOS DO FINAL DO 2º CICLO E TODOS DO 3º CICLO).

A INTENÇÃO É DESPERTAR O GOSTO PELA LEITURA COM ÊNFASE NA PROPOSTA DA LITERATURA INFANTO-JUVENIL A PARTIR DA TEMPORADA DO AMOR.

TODOS SABEM QUE O DIA 12 DE JUNHO É DIA DOS NAMORADOS E, NADA MAIS JUSTO, TRABALHARMOS ESSA QUESTÃO.

FORAM SELECIONADOS 50 TÍTULOS E 20 POEMAS SOBRE A TEMÁTICA.

SONETO DE CARNAVAL:

...
"DISTANTE O MEU AMOR, SE ME AFIGURA
O AMOR COMO UM PATÉTICO TORMENTO
PENSAR NELE É MORRER DE DESVENTURA
NÃO PENSAR É MATAR MEU PENSAMENTO."
...
VINÍCIUS DE MORAES.



ALGUNS TÍTULOS:



BOLSA AMARELA:

IRACEMA:

Escrito por BIB ESC FERNANDO SABINO às 11:39:59
[] [envie esta mensagem]



PROJETO TERREMOTO ALFALER

OS ALUNOS DA 23A E 23B ESTÃO PARTICIPANDO DO PROJETO TERREMOTO!!!

ESTÃO DESENVOLVENDO TEXTOS NA QUAL BUSCARÃO COMPREENDER ESTE INCRÍVEL FENÔMENO NATURAL!!!

UM QUESTIONAMENTO LEVANTADO E QUE É POUCO TRABALHADO É O CONCEITO DE ESCALA RICHTER:

A escala Richter é um sistema criado por dois americanos, a cerca de 70 anos para medir os movimentos sísmicos (ondas sísmicas) na Califórnia. Charles Richter, juntamente com seu colega Bueno Gutemberg desenvolveu o sistema que mede a potência de um tremor em um determinado lugar. A escala Richter é pontuada de um a nove. Cada grau corresponde a ondas dez vezes mais “fortes”, a uma potência 30 vezes superior. Assim, por exemplo, um terremoto de grau nove na escala Richter é 900 vezes mais potente que um tremor de grau sete.
Um terremoto de menos de 3,5 graus é apenas registrado pelos sismógrafos. Um entre 3,5 e 5,4 já pode produzir danos. Um entre 5,5 e 6 provoca danos menores em edifícios bem construídos, mas pode causar maiores danos em outros.
Já um terremoto entre 6,1 e 6,9 na escala Richter pode ser devastador numa zona de 100 km. Um entre sete e 7,9 pode causar sérios danos numa grande superfície. Os terremotos acima de oito podem provocar grandes danos em regiões localizadas a várias centenas de quilômetros do epicentro.



TERREMOTO NO BRASIL:

OS ALUNOS TRABALHRÃO COM TEXTOS JORNALÍSTICOS E CIENTÍFICOS PARA CONHECEREM ESSE PROCESSO GEOLÓGICO, ALÉM DE ELABORAREM REDAÇÕES E CARTAZES.

Terremoto provoca rachadura em parede de hospital em SP

Uma parede de um hospital de São Paulo apresentou uma rachadura possivelmente provocada pelo terremoto que atingiu o país na noite desta terça-feira. Um tremor de terra que atingiu 5,2 graus na escala Richter foi registrado a 215 km de São Vicente, no litoral paulista. Além da Grande São Paulo, o terremoto foi sentido em Santa Catarina, no Rio e no Paraná.
Uma rachadura de cerca de um metro surgiu em uma das paredes da área administrativa do pronto-socorro do Hospital Estadual da Vila Alpina (zona leste). O setor, que fica no segundo andar do prédio de seis andares do hospital, é freqüentado somente por funcionários. Uma servidora do hospital viu o momento em que a rachadura apareceu na parede.
De acordo com a enfermeira supervisora Célia Regina da Silva Sales, o local foi interditado pelo Corpo de Bombeiros. Engenheiros da Defesa Civil e do hospital foram acionados para verificar a rachadura.
Segundo a enfermeira, os pacientes que estavam no hospital não sentiram o tremor de terra.
Em São Paulo, nenhum outro incidente foi registrado, de acordo com os Bombeiros e Defesa Civil.

Mais tremores

Em 14 de novembro, outro tremor foi sentido em várias áreas da cidade, onde alguns edifícios foram esvaziados. O tremor foi reflexo de um terremoto ocorrido no Chile poucos minutos antes.
No ano passado, o Brasil registrou também a primeira morte causada por tremores de terra. Um terremoto de 4,9 graus na escala Richter atingiu a comunidade rural de Caraíbas, em Itacarambi, no norte de Minas Gerais. Todos os 76 imóveis da localidade sofreram algum tipo de avaria e uma menina de cinco anos morreu.
No dia 5 deste mês houve um terremoto atingiu a região de Sobral, no norte do Ceará. O tremor atingiu 3,9 graus na escala Richter, de acordo com o laboratório de sismologia da UFRN (Universidade Federal do Rio Grande do Norte).
Outro tremor no dia 29 de fevereiro também atingiu a região, fazendo com que moradores fugissem de suas casas.



Veja o efeito do tremor em Itacarambi, MG:




DEPOIS TIRAREMOS FOTOS DE NOSSOS MURAIS...

ATE MAIS...

Escrito por BIB ESC FERNANDO SABINO às 12:04:30
[] [envie esta mensagem]



BLOG 2008

VEJAM NOSSO BLOG:

Olá, Pessoal! Já temos um blog da nossa biblioteca. A partir deste momento, você pode realizar pesquisas e conferir muitas novidades. Temos dicionários on-line, enciclopédias, dicas de livros e muito mais! Participe deixando aqui o seu comentário! Esperamos contar sempre com a sua presença!!!


VEM AÍ A TEMPORADA DA AVENTURA. SERÃO SELECIONADOS OS TÍTULOS QUE SERÃO DISPONIBILIZADAS AS RESENHAS. CASO ALGUÉM TENHA SUGESTÕES, ESTAMOS AQUI PARA CONTATOS...


ATÉ LÁ!!!...







FIQUEM DE OLHO NAS NORMAS DE FUNCIONAMENTO DA BIBLIOTECA:

1) HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
MANHÃ: DE 07:00 ÀS 11:30H (A Biblioteca, em regra, ficará fechada no horário do Recreio, exceto às sextas-feiras)
TARDE: DE 13:00 ÀS 18:00H
2) EMPRÉSTIMOS:
*O atendimento das turmas seguirá uma agenda na qual cada uma terá um horário próprio para realizar a escolha dos livros;
*O prazo para entraga dos livros é de 7 dias consecutivos, cabendo uma renovação por mais 7 dias, desde que solicitada pessoalmente ao funcionário da Biblioteca ao término do primeiro prazo e caso não haja reserva do mesmo. O livro deverá ser apresentado no ato da renovação;
*Caso os livros não sejam entregues até a data estipulada, o aluno terá o empréstimo suspenso pelo mesmo número de dias em atraso.

Aguardamos vocês para visita!!! CALENDÁRIO VIVO

Está em ação o Calendário Vivo: é uma proposta de interatividade na qual cada dia é tratado em um tema a fim de se valorizar e resgatar as datas que, às vezes, são tratadas como sendo menos importantes!!! No mais, até lá!...


VINÍCIUS DE MORAES:

O VERBO NO INFINITO

"SER CRIADO, GERAR-SE, TRANSFORMAR
O AMOR EM CARNE E A CARNE EM AMOR, NASCER
RESPIRAR, E CHORAR, E ADORMECER,
E SE NUTRIR PARA PODER CHORAR."

A BIBLIOTECA ESCOLAR FERNANDO SABINO ESTÁ PASSANDO POR UMA REESTRUTURAÇÃO / REVITALIZAÇÃO.
ATÉ MAIS...
E APROVEITEM PARA DEIXAR SUAS MENSAGENS...

PROGRAMA ALFALER:

A BIBLIOTECA ESCOLAR FERNANDO SABINO ESTÁ TRABALHANDO COM O MEMORIAL MONTEIRO LOBATO.
SERÃO TRABALHADAS TODAS AS OBRAS DESTE GRANDE ESCRITOR, ALÉM DE TRABALHOS COM RESUMO DAS OBRAS E DESENHOS.
PRETENDEMOS, DEPOIS, FAZER UM MURAL.

SAIBA MAIS:

Monteiro Lobato


Monteiro Lobato: o precursor da literatura infantil no Brasil
Contista, ensaísta e tradutor, este grande nome da literatura brasileira nasceu na cidade de Taubaté, interior de São Paulo, no ano de 1882. Formado em Direito, atuou como promotor público até se tornar fazendeiro, após receber herança deixada pelo avô. Diante de um novo estilo de vida, Lobato passou a publicar seus primeiros contos em jornais e revistas, sendo que, posteriormente, reuniu uma série deles em Urupês, obra prima deste famoso escritor.
Em uma época em que os livros brasileiros eram editados em Paris ou Lisboa, Monteiro Lobato tornou-se também editor, passando a editar livros também no Brasil. Com isso, ele implantou uma série de renovações nos livros didáticos e infantis.
Este notável escritor é bastante conhecido entre as crianças, pois se dedicou a um estilo de escrita com linguagem simples onde realidade e fantasia estão lado a lado. Pode-se dizer que ele foi o precursor da literatura infantil no Brasil.
Suas personagens mais conhecidas são: Emília, uma boneca de pano com sentimento e idéias independentes; Pedrinho, personagem que o autor se identifica quando criança; Visconde de Sabugosa, a sabia espiga de milho que tem atitudes de adulto, Cuca, vilã que aterroriza a todos do sítio, Saci Pererê e outras personagens que fazem parte da inesquecível obra: O Sítio do Pica-Pau Amarelo, que até hoje encanta muitas crianças e adultos.
Escreveu ainda outras incríveis obras infantis, como: A Menina do Nariz Arrebitado, O Saci, Fábulas do Marquês de Rabicó, Aventuras do Príncipe, Noivado de Narizinho, O Pó de Pirlimpimpim, Reinações de Narizinho, As Caçadas de Pedrinho, Emília no País da Gramática, Memórias da Emília, O Poço do Visconde, O Pica-Pau Amarelo e A Chave do Tamanho.
Fora os livros infantis, este escritor brasileiro escreveu outras obras literárias, tais como: O Choque das Raças, Urupês, A Barca de Gleyre e o Escândalo do Petróleo. Neste último livro, demonstra todo seu nacionalismo, posicionando-se totalmente favorável a exploração do petróleo apenas por empresas brasileiras.
No ano de 1948, o Brasil perdeu este grande talento que tanto contribuiu com o desenvolvimento de nossa literatura.


Escrito por BIB ESC FERNANDO SABINO às 11:49:00
[] [envie esta mensagem]




[ ver mensagens anteriores ]